FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO ( Paulo, O Apóstolo - Paris, 1860 - "O Evangelho Segundo o Espiritismo" - Cap. XV, Item 10 - Allan Kardec)

Pelo espírito: Irmão José

Nem ontem, hoje ou nunca seremos desamparados pelo amor de Deus, energia curadora e fortalecedora de nosso ser.
Por momentos difíceis já passamos, pois, nos afastamos da lei do Senhor mas, mesmo assim, por nenhum instante, ficamos desamparados, tendo em vista que, o amor do Pai é infindável, ainda que estejamos sentados no banco dos réus.
Vamos mergulhar nossa existência no rio purificador da verdade que liberta!
Lavando a alma nas águas refrescantes e curativas do amor universal, restauramos nossa saúde e nossa fé e temos a oportunidade de refletir sobre nossa verdadeira essência.
Escude seus passos na alegria de viver, permitindo que a corrente de fluídos vivificadores harmonizem o seu ser.
Desse modo, reparados e amparados pela piedade divina, firmemos resoluto compromisso de participar como colaboradores das hostes de filhos e filhas a disposição do Altíssimo.
Nos tornamos receptáculos da essência renovadora de Deus e, portanto, devemos partilhar à todos que dessa energia santificada se afastou.
Somos humildes fiadores de Deus, damos testemunhos da verdade e segurança de sua lei.
Nosso compromisso é transmitir ponto a ponto, alma a lama, Seu amor esclarecedor, que liberta e traz a certeza de que Deus nos ama muito mais do que podemos imaginar.
Pai de amor e bondade guarda no coração de seus filhos a verdadeira essência da vida, o amor pela palavra, o amor pela sua obra e, desse modo, permita-nos o entendimento que só pela comunhão seremos almas libertas e prontas para compartilhar o seu amor.
Fraternalmente,

Irmão José

Psicografia: Danilo Martins 
Comunhão Espírita de Brasília
(21.5.2016 - às 18h) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário